O Jeitinho Nojento Brasileiro de Levar Vantagem em tudo

Politico de MT
Politico de Mato Grosso flagrado com a mão na massa

Depois de um tempo de jornada em nossa linha do tempo, como bom cidadão brasileiro, por mais simples que seja sua vida, se quer conhecer melhor o valor e beleza de seu país, faça um pequeno sacrifício e procure viajar sempre, dentro do seu país e se por acaso surgir oportunidades, dê um jeitinho de dá uma olhadinha lá fora.

Programe uma viagem para estados brasileiros diferente daquele que você mora e vá lá contemplar e compartilhar como vivem seus irmãos brasileiros de outra região. Aposto que você vai aprender coisas novas e vai gostar muito da experiência.

Já lhe antecipo, com certeza essa viagem vai fazer você crescer e lhe dá competência para que você valorize ou avalie melhor o lugar em que você está vivendo.

Compartilhando com você, caro leitor uma experiência pessoal, por razões inesperadas no ano de 2010 eu tive a oportunidade de visitar os Estados Unidos da América, onde permaneci lá, por uns 45 dias. Confesso que ante as minhas vontades e planos de viajar pelo mundo, o último lugar que gostaria de conhecer naquela época seria os Estados Unidos.,

Mas, circunstâncias alheias a este gosto pessoal me levaram até lá, e apesar do custo e do sacrifício feito para a realização daquela viagem, posso garantir, que a experiência marcou a minha vida para sempre.

Eu tinha ojeriza de gringo, e confesso, por lá tudo me pareceu perfeito, no entanto percebi que na mentalidade dos gringos nós latinos americanos talvez não passemos de escória em termos de desenvolvimento educacional e cultural. No entanto, nos tratam muito bem e nos “respeitam”, esperando o mesmo de nós. O que nem sempre é correspondido.

Não por que sejamos um povo totalmente mal, mas, quem sabe, por que temos em nosso DNA, a origem de degradados e foragidos do mundo antigo, que foram os responsáveis por nossa colonização, daí não poderíamos por enquanto, em um pouco mais de cinco séculos sermos tão diferentes do que somos.

O Brasil que merecemos, por sua beleza e grandiosidade, só acontecerá com uma lavagem sistémica e profunda na educação, sem esta transformação em grande escala o melhor não virá.

Nossos colonizadores nunca tiveram essa intenção para conosco, vieram aqui para nos explorar e não para nos transformar em um povo gigante heróico e poderoso, como poderíamos ser.

No nosso entendimento, na linha do tempo, não escaparemos desta grande realidade. A globalização, por mais maléfica que tenha parecido ser para as nações em desenvolvimento e desamparadas para recebe-la, deixara seu legado.

Devemos acreditar, que as novas gerações da era pós-moderna, a duras penas, lutarão por uma transformação de países como o Brasil e haverá um momento em que nossos netos e bisnetos farão desse país um gigante acordado, esse mesmo país do qual usufruímos, enquanto gigante adormecido.

Voltando a compartilhar as minhas experiências vividas naqueles dias na América do Norte, posso assegurar-lhes, que o que senti foi , que enquanto eles ambicionam tudo que temos, eu apenas ambicionei de lá, a cultura.

O que senti, foi que a educação, figura como a verdadeira bússola que direciona a América do Norte, no mais, de lá nada me interessou, mesmo a possibilidade de conquistar a minha cidadania Americana aquela época.

Por último, confesso que a experiência de ter passado pela América do Norte aquele ano, fez com que eu amasse cada vez mais, meu país, o Brasil. Portanto a minha contribuição hoje é a de concitar, cada brasileiro irmão, para que neste ano de 2018 façamos alguma coisa por nossa pátria

Responda nas urnas, e comece a sair fora dos discursos populistas, analise a vida pregressa de cada candidato que aparecer por aí pedindo voto e não tenha medo de expulsá-lo de sua casa se desconfiar de alguma coisa sobre ele.

Acredite, tenha fé, pois tudo começará a mudar nessa linda nação brasileira, quando você e eu, começarmos a abrirmos os olhos e passarmos a detestar esse jeitinho nojento brasileiro de querermos levar vantagem em tudo.

Nada é tão fácil na vida, quando você receber uma vantagem, que você sabe estar ganhando fácil em cima do outro, você pode estar afundando o Brasil e com certeza, semeando desgraças para sua própria geração.

Pois tudo que lhes pareça vantajoso demais agora, pode estar sendo uma semente de desgraça para seus netos e bisnetos amanhã.  Se cada um de nós fizermos a nossa parte, por mais singela que seja, não tenha dúvida, que você pode estar contribuindo para que o Brasil de amanhã seja o melhor país do mundo.

Um milhão é formado de real em real, um oceano é completo por cada gota de água proporcionada pela natureza, nossa paz, nossa segurança, nossa realização será alcançada e transformada por cada pequeno gesto realizado dentro de seu lar, no seu trabalho na escola e no seu dia a dia.

Pode ter certeza, que a mudança deste país para melhor poderá começar agora, com as mudanças de hábitos e atitudes que você não gostaria de ver acontecendo a seu redor, mas tenha consciência de que ela tem que começar por você, não importa o que esteja fazendo e pensando aquele que estar de seu lado.

Se seu exemplo for bom, pode demorar um pouco, mas ele será seguido e imitado pelas pessoas de bem, comece a mudar o Brasil e não faça mais parte do grupo que gosta de criticar tudo e todos, mas continuam se beneficiando do jeitinho nojento brasileiro de levar vantagem em tudo.

 Por Lira Netto- o repórter do povo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s